Sejam bem vindos, deixem uma opinião...VOLTEM SEMPRE!

Pesquisar neste blogue

Os nossos olhos são o espelho da nossa alma, não mentem, reproduzem sempre os pormenores mais íntimos dos nossos sentimentos. O Espelho da Alma é um espaço onde se pretende reproduzir em poesia um manifesto desses sentimentos do autor. Tu! Que aqui passaste, considera-te bem vindo e volta sempre.

segunda-feira, 17 de maio de 2010

AMORDAÇADO

Amordaçado

Escuto no vento que passa o sarcástico murmurar,
Que vindo do longínquo horizonte jura encantos.
Entoa vivas odes. Argutas formas de chamar,
Alimenta-se na tristeza destes meus prantos.

E se por escutá-lo silvando, decifro a solidão
Que de longe ao meu encontro estreita o passo!
Já me afronta, martiriza meu pobre coração,
Esta vil tentativa de se imiscuir no meu espaço.

MMMmmmm!...............................................,
MMMmmmmmmmmmmm!........................,
Mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm.

Oh! Torpe! Que meu sentimento aprisionas.
Oh! Infame! Quando meu falar amordaças.
Não me tentes! Nem ouses impor desgraças.

Luiz

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo